7 números primos para você arrasar na divisão!

Por em Ler

Li outro dia que das 15 maneiras de se aumentar seu retorno em leads de mobile marketing, 8 eram as mais matadoras técnicas produtividade para profissionais em início de carreira. Não que isso seja relevante ou gere engajamento, uma vez que comprovou-se que o algorítimo atual nas redes sociais mostra apenas 15% do que você não queria dizer para 5% de gente que não quer ouvir nada do que sua marca tem poara mostrar. Mas calma, olhe com atenção. Pelo menos se você ainda tiver alguma. Você sabia que pesquisas…read more

ReLeitura2014#1: The Circle

Por em Ler

Curti muito fazer o último FalaFreela de 2013 no formato “releitura”, ou seja, em um saudável confronto das listas de leituras minhas, de Cristiano Santos e Carolina Vigna, co-editores no projeto Carreirasolo.org. Tanto que resolvi estender a mania ao longo do ano, criando uma pequena análise, ou simples relatório, a cada obra concluída. E, como acabei de encerrar o retiro anual na praia no qual, depois de uns dois dias de descompressão, você parece atingir um tal nível de relaxamento que tudo soa mais simples, claro e positivo, já me…read more

Com vocês, a próxima coisa.

Por em Ler

Sofro da “próxima coisa” há aproximadamente 41 anos. Em um exercício de memória bem fantasioso dá até para arriscar a cena: em uma corrida alucinada deixo vários competidores para trás e, de repente, sou invadido por uma estranha sensação, misto de triunfo e final de sorriso de uma boa piada: “…ai, ai…arf…arf…Ok, rompemos a barreira do óvulo, e agora, o que vem?” Não confunda com talento empreendedor, força de vontade ou perseverança. Comecei este artigo com um verbo tão carregado de significados não foi à toa. Viver nos dissabores da…read more

Uma loja que vende o seu tempo atual

Por em Ler

A primeira questão logo de saída, como alguém que pula pela primeira vez de um trampolim e ao tirar os pés da prancha lembra que não sabe nadar. Ando cultivando um desapego a esta fama – quase irreal – , que seres da minha geração têm em se manter sempre à frente nas indicações de consumo de produtos culturais, como livros, filmes e séries de TV. Acho que, vez em quando, nós que somos fundadores da blogosfera, profissionais de conteúdo digital etc; devemos mesmo é relaxar e ver o que…read more

Será que a ciência matou a ficção científica?

Por em Ler

Nós gostamos de ficção científica pois ela nos promete um futuro irrealizável ou porque racionalmente acreditamos poder chegar lá, como provaram Julio Verne e outros autores? A testemunhar a situação atual das coisas, me parece que a primeira parte da sentença é a verdadeira. Afinal, parece não existir população em Marte, passamos por muito a capacidade de memória de John Mnemonic (eram 80GB!) e ninguém está se alimentando de comida feita a partir de humanos. Vale a pena a leitura deste post e o complemento com este outro, que analiza…read more

Facebook e seu novo plano para dominar a web, digo, o mundo

Por em Ler

Mark Zuckerberg publicou ontem em seu perfil no Facebook o post que lançou a iniciativa Internet.org. O objetivo do grupo formado por sua empresa e mais Samsung, Qualcoomm, Ericsson, Opera e Nokia é ousado:  levar conexão aos 5 bilhões de pessoas que hoje estão de fora do jogo. Isso representa 2/3 da população mundial e um avanço tremendo no ritmo atual de crescimento no números de pessoas que podem entrar na web, que é de apenas 9% ao ano. A visão do esforço, considerado por Zuck como o maior de…read more

Sociedade: as ondas do lago, quando bate a pedra em sua superfície.

Por em Ler

Fiquei ontem até meia-noite pensando sobre esta questão do não-movimento em SP e Rio. Sou assim, mais impactado pelas questões do meu tempo do que pela conta de luz atrasada, ou a nota baixa do filho na escola. O que mais me impressiona é como os movimentos sociais mudam. De grande ideologias a micro-ações desordenadas. Vejam, não questiono a legitimidade de qualquer reunião que tem acontecido, já ficou claro que protestos pacíficos foram recebidos com truculência. Até Gandhi tomou suas bordoadas. A questão não é essa.

O Adapak possível em tempos de autoria digital

Por em Capa, Ler

Affonso Solano é corajoso. E com isso não quero falar das dificuldades de se publicar no país, bem menores em tempos digitais, mas ainda grandes em uma terra de poucos leitores. Minha intenção é outra. Antes, deixem-me contar sobre minha reação ao ouvir os primeiros rumores sobre o lançamento de “O espadachim de carvão”. Na hora, deduzi que o “carvão” seria uma alusão ao crayon, ao lápis, enfim, a alguma técnica de desenho da qual o autor-ilustrador, com trabalhos publicados em canais de TV, portais e editoras nacionais, utilizaria como…read more

Você moraria assim?

Por em Ler

A tendência lá fora são os apartamentos tão, mas tão planejados, que só funcionam com muita imaginação e armários que deslizam para lá e para cá. Apurei outro dia para um cliente que, inclusive, a cidade de Nova York criou um prêmio para eleger projetos inovadores que prometam qualidade de vida em 30m2. Em tempo, isso já foi o espaço destinado a uma cela de monge. Confiram o vídeo, no qual um orgulhoso Graham Hill (www.treehugger.com)desfila por suas soluções bem boladas: A questão que fica: tem me parecido que o…read more

0

A vida de quem cria, em quadrinhos

Por em Ler

Grant Snider tem o talento de registrar os pormenores, agruras e barreiras enfrentadas por quem vive de escrever. No site Incidental Comics você encontra pérolas como essa: Ou ainda essa, bem próxima de muitos de nós: Rolam ainda críticas inteligentes ao nosso estilo de vida atual, como nesse na qual ele indica tipos de drogar (lícita ou não) que devem ser permitidas ou banidas da vida do escritor: Enfim, um manancial de boas tiradas e leitura relaxante. Passem lá!

0