O que um documentário patrocinado, a vida de um músico do século XVIII e sua liberdade criativa têm em comum?

O

No programa de hoje, relacionei dois momentos que me ocorreram justamente quando me deixei levar pela dança das timelines no próprio youtube e na amazon.

Um vídeo e um livro indicados “aleatoriamente” para mim (várias aspas aqui) que fizeram refletir sobre o porquê de reclamarmos do estado atual das coisas quando, na verdade, enquanto criativos temos muito mais ferramentas para criar, disseminar e até mesmo angariar apoio (financeiro e emocional) para as nossas empreitadas.

Aperta o play aí em cima e depois, claro, comente! E não deixe de divulgar o projeto para os amigos!

Sobre o autor

Mauro Amaral

Meu principal foco de atuação é a criação de projetos de conteúdo interessantes, divertidos e leves para marcas, organizações e produtos.

Em função desta opção, transito bem entre jornalismo, publicidade e entretenimento, pesquisando continuamente e filtrando ativamente as tendências do momento para aplicá-las no dia a dia dos meus clientes.

Construo, mantenho e estimulo equipes criativas há 10 anos; com especial predileção por identificar novos talentos e trabalhar potenciais multidisciplinares.

Venha conversar

Leave a Reply

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Mauro Amaral

Meu principal foco de atuação é a criação de projetos de conteúdo interessantes, divertidos e leves para marcas, organizações e produtos. Em função desta opção, transito bem entre jornalismo, publicidade e entretenimento, pesquisando continuamente e filtrando ativamente as tendências do momento...

Nós

%d bloggers like this:
/* ]]> */